O que é alimentação ortomolecular

links patrocinados

O que é alimentação ortomolecular

Quando se fala em dietas, novos e diferentes tipos de alimentação, há que se considerar o histórico de cada pessoa. É fato que cada organismo funciona de maneira diferente, o que faz com que o modo como a alimentação e a vida são levadas mude de pessoa para pessoa.

Se engana quem pensa que aderir a dietas prontas e livros que ensinam você a ter o corpo perfeito. Isso não se encaixa para todas as pessoas, e dependendo do jeito que as dietas são criadas e aderidas por públicos diferentes, esse tipo de mudança pode ser muito radical e até nociva para a saúde. Sendo assim, a melhor alternativa é sempre buscar um profissional nutricionista ou endocrinologista para mapear quais são as melhores alternativas para criação de um cardápio adequado para seu tipo corpóreo.

O que é alimentação ortomolecular

O que é alimentação ortomolecular Alimentação Ortomolecular

Alimentação ortomolecular é um tipo de dieta que surgiu recentemente para atender a demanda de algumas pessoas que tinham o interesse em manter a dieta mais saudável em vários sentidos.
Mas o que é alimentação ortomolecular? Se trata da ingestão de alimentos com funções extremamente equilibradas e planejadas. A intenção de se aderir a esse tipo de alimentação é a de desintoxicar o corpo com excessos e preencher os espaços vazios com vitaminas e minerais que estavam faltando. Esse tipo de alimentação pede um profissional qualificado que irá descobrir quais são as deficiências de cada organismo para aí sim, criar um cardápio adequado para cada pessoa, que irá suprir as necessidades e eliminar os excessos indesejados.

Para que serve a alimentação ortomelecular

O que é alimentação ortomolecular – saiba mais

Uma das regras da alimentação ortomolecular, é deixar de consumir alimentos industrializados como sucos embalados em caixas, molhos preparados, manteiga, e vários outros itens que normalmente estão inseridos na rotina alimentar da maioria das pessoas. É por isso que esse tipo de dieta (ortomolecular) costuma ser bem rígida e de difícil adaptação. Porém, depois desse período de adaptação, as pessoas que já estão praticando a dieta ortomolecular, se mostram bastante satisfeitas e apresentam satisfação no que diz respeito à saúde e á estética do corpo.

Mais saúde

Mais saúde

A saúde observada pelas pessoas que aderiram à alimentação molecular não é só estética e no organismo em si. Um fato bastante citado é a vitalidade e a energia que as pessoas recuperam ao começar a dar essa atenção especial para os alimentos que consomem no dia a dia. Acordar cedo, fazer várias atividades (incluindo exercícios físicos) não é mais tão penoso, e pelo contrário, se torna prazeroso.

Além da alimentação

Além da alimentação

Como em toda e qualquer nova dieta, o exercício físico deve acompanhar. O ideal é que diariamente as pessoas façam trinta minutos de qualquer tipo de exercício físico. Se você encontrar um esporte ou modalidade que agrade, melhor ainda! Isso vai fazer com que todo o ciclo seja aproveitado e o organismo funcione em sua melhor maneira, sua melhor condição de aproveitamento de tudo que você ingere e da forma como se exercita e realiza as atividades em geral.

Pesquisar
Artigos Relacionados