Mergulho – equipamentos, mergulho livre e cursos de mergulho

links patrocinados

Mergulho

Sobre o Mergulho

O mergulho pode ser considerado um esporte que consiste basicamente em entrar em contato com águas profundas com ou sem o auxílio de equipamentos. O Brasil é um pais favorável à prática do mergulho, devido ao tamanho de sua costa litorânea (cerca de 8.000 quilômetros).

São praticados três tipos de mergulho: livre, autônomo e dependente.

Mergulho Livre

O mergulho livre (ou apneia) é aquele no qual o mergulhador não utiliza de equipamentos para respirar debaixo da água. Como não usa equipamentos esta prática só é possível em locais com baixa profundidade.

Como o mergulho livre não há a utilização de equipamentos de respiração, a capacidade pulmonar, física e emocional do mergulhador é fundamental.

Mergulho Autônomo

O mergulho autônomo utiliza equipamentos de respiração no qual o mergulhador os carrega consigo. É uma prática que não necessita de muito auxílio externo, já que o mergulhador é o único que pode tomar os cuidados necessários ao equipamento que carrega.

Mergulho Dependente

No mergulho dependente, o equipamento de respiração está na superfície e é ligado ao mergulhador através de uma mangueira. Para que este tipo de mergulho ocorra é necessário o auxílio externo ao mergulhador, já que os equipamentos funcionam a partir da superfície.

Existem vários tipos de modalidades competitivas, como de maior permanência em baixo d’agua ou atingir grandes profundidades.

Equipamentos de Mergulho

Um equipamento seguro de mergulho consiste em: cilindro de ar comprimido, smorkel (o que leva o ar do cilindro até a boca do mergulhador), máscara de mergulho, roupas isolantes, faca de mergulho (utilizada principalmente para se disvenciliar de algo que o prenda), cinto de lastro (compensa a flutuabilidade do mergulhador), nadadeiras, colete equilibrador, lanterna e computador de mergulho.

Cursos de Mergulho

Existem cursos amadores, técnicos e profissionais de mergulho. Para começar um curso é preciso estar em boas condições físicas e procurar uma agência especializada. Os principais certificados do setor são PADI, PDIC, NAUL, SSI e ADS. Mergulho - equipamentos, mergulho livre e cursos de mergulho

Praia Grande

Praia Grande

Sobre a Praia Grande

A cidade de Praia Grande fica no litoral paulista, e integra a região metropolitana da Baixada Santista. De acordo com o Censo 2010, realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o IBGE, a população da cidade é de 260.769 habitantes, numa área de concentração de 145 quilômetros quadrados.

Praia Grande é uma das praias mais freqüentadas do país. No período de alta temporada, a cidade chega a receber 1,4 milhões de turistas, o que resulta em quase cinco vezes mais pessoas do que a população fixa da cidade.

Apesar de ser uma cidade de médio porte, Praia Grande recebeu o título de “a cidade que mais cresce no Brasil”, devido ao grande aumento de sua população em nove anos (de 2000 a 2009 o número de moradores da cidade aumentou em 56 mil).

Praias e Balneários

Praia Grande é composta por dez praias: Solemar, Imperador, Caiçara, Forte, Boqueirão, Mirim, Guilhermina, Ocian, Aviação e Tupi. Já os balneários são quatro: o Balneário Flórida, Intermares (Portinho), Paquetá e Maracanã.

Lazer e pontos turísticos

A cidade é bastante estruturada para atender os turistas que vão visitar suas praias. Quem pretende conhecer além das praias pode visitar alguns dos pontos turísticos que a cidade possui. Alguns deles são: Capela de N. Senhora da Guia, Caminho de Anchieta, Cachoeira do Guariúma, Fortaleza de Itaipu, Portinho e Memorial Voluntários da Paz.

Já quem pretende ir para o lazer mais comercial tem a opção de visitar o Calçadão da Orla, Litoral Plaza Shopping, Ophicina Club, Boulevard Chopperia, Sakte Park’s, Palácio das Artes, entre outros. O turista também tem a opção de conhecer as trilhas da Região Serrana, fazer passeios de dindinhos, escuna, banana boat e jet ski.

Hospedagem

Quem pretende passar uma temporada em Praia Grande pode optar por alugar apartamentos para temporada ou então ficar em hotel ou pousadas. A cidade possui bastantes opções, mas sempre é bom fazer a reserva com certo período de antecedência, principalmente se a data da viagem for em alta temporada. Na internet é possível encontrar os sites das imobiliárias da cidade, bem como as páginas de hotel e pousada.

Pesquisar
Artigos Relacionados