Guia de Carreiras – Direito

links patrocinados

Sobre Guia de Carreiras – Direito

Guia de Carreiras – Direito

O curso de Direito é um dos mais tradicionais e procurados do Brasil. Após a graduação e a aprovação no exame da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), o advogado pode iniciar seu próprio escritório, de maneira autônoma, ou trabalhar em diversos outros lugares. É comum que haja escritórios de advocacia voltado para áreas específicas, como Direito trabalhista, civil, ambiental e diversos outros. Em São Paulo, o piso salarial para escritórios com até quatro advogados é de R$1871.

Concursos

O que também dá um atrativo extra à carreira no Direito é o grande leque de concursos públicos para a área. Além de cargos como procurador, juiz ou promotor – exclusivo para quem se gradua em Direito -, o curso dá muita vantagem ao graduado em qualquer concurso público de nível superior, que geralmente exigem noções de Direito Administrativo.

O profissional

Para os profissional de Direito, ler muito é uma obrigação. Além da constante consulta a leis, o bom profissional deve estar sempre atualizado, principalmente porque tem de lidar com situações diferentes a todo momento. Além do mais, as leis estão em constante mudança, para se adequar às novas realidades do mundo, o que exige que o profissional se recicle constantemente.

O advogado também precisa ter um perfil combativo, pois está sempre lidando com conflitos. É essencial que o profissional deste setor saiba lidar com pessoas. Em relação ao mercado de trabalho, o juiz federal William Douglas, que tem em seu currículo mais de trinta livros publicados, defende que, diferente do que muitos pensam, o mercado não está passando por uma fase de saturação.

Embora existam cada vez mais cursos de Direito no país, William defende que o maior número de graduados não influencia no mercado de trabalho porque, para profissionais qualificados, não faltam vagas. De acordo com ele, um profissional competente terá vagas de sobra neste mercado.

O curso

O curso de Direito tem duração mínima de cinco anos. Na maioria dos casos são diurnos ou noturnos, sendo raros os casos de cursos integrais. Isso porque, no curso de Direito, é obrigatório que o acadêmico passe por um estágio. Algumas universidades auxiliam os estudantes neste sentido, atuando em parceria com instituições que possuem um grande número de profissionais, como fóruns.

Além das disciplinas específicas da área jurídica, os acadêmicos recebem também diversas noções da área de Humanas, como Sociologia e Filosofia. A oratória e a retórica também têm de ser praticadas, para que os alunos aprendam a lidar com a argumentação.

Após a graduação, quem opta pela carreira acadêmica possui várias opções de Mestrado e Doutorado. No caso de quem deseja atuar como advogado, o melhor caminho são as especializações, que têm duração média de um ano e meio e trazem maior conhecimento sobre campos específicos, como Direito Tributário, Empresarial e diversos outros.
Com o grande número de cursos de Direito no Brasil, o mercado de trabalho para quem deseja ser professor se ampliou consideravelmente. Por isso, quem opta pela carreira acadêmica costuma ser rapidamente absorvido pelo mercado, seja em instituções públicas ou privadas.

Fotos

Confira Fotos sobre Guia de Carreiras – Direito:

Direito Guia de Carreiras Área de atuação - Direito Direito Guia de Carreiras Advogados Direito

Pesquisar
Artigos Relacionados