Greve nos bancos – Tudo sobre a greve dos bancários

Greve nos bancos - Tudo sobre a greve dos bancários

Greve nos bancos – Tudo sobre a greve dos bancários

Assim como é certo que haverá Natal, ano novo e páscoa, todos os anos também é garantindo que entre os meses de setembro e outubro os bancários entrem em greve e causem transtornos para a população em todo o país, exigindo que as pessoas encontrem outros locais para pagar as contas, como casas lotéricas e supermercados.

As razões para as greves são sempre as mesmas: reivindicação de aumento de salário e exigências quanto à melhores condições de trabalho, que os bancários consideram insalubres, além de alegarem que sofrem assédio moral.

Sobre a greve dos bancários em 2010

Em 2010 a greve dos bancários teve início no dia vinte e nove de setembro em todo o país. Os bancários decidiram iniciar a greve após uma rodada de reuniões realizadas nos dias anteriores e não foi fixada uma data para que paralisação fosse encerrada.

Greve dos Bancarios

Os bancários de bancos privados e dos bancos estatais Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil exigiam aumento salarial de onze por cento, sendo sete por cento de aumento real e aproximadamente cinco por cento de reposição da inflação de acordo com o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor). Os trabalhadores rejeitaram a proposta apresentada pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), de aumento de 4%, e reivindicavam também participação nos lucros e resultados, aumento dos auxílios refeição e creche e da cesta alimentação.

A greve foi encerrada, após acordo entre a categoria e a Fenaban, no dia treze de outubro. Ficou decidido que o aumento salarial seria de 7,5%. Os valores de PLR e dos benefícios também foram reajustados, assim como os pisos salariais de profissionais de portaria, escritório, atendimento e comissionados.

Bancos em Greve

Sobre a greve dos bancários em 2011

A greve dos bancários em 2011 foi considerada a maior em vinte anos, sendo que cerca de oito mil e seiscentas agências foram fechadas no país. A greve teve início no dia vinte e sete de setembro após recusarem a proposta de reajuste de 8% oferecida pela Fenaban.

Naquele ano os bancários exigiam aumento salarial de 12,8%, mais segurança nas agências, mais vagas de trabalho, menos rotatividade, melhores condições de trabalho, sem assédio moral, e fim das metas abusivas.

Salario dos Bancarios

No dia quatorze de outubro, os bancários aceitaram encerrar a greve após a Federação Nacional dos Bancos apresentar proposta de reajuste de 9%, além de reajustes nos benefícios. Também ficou acordado que os dias de paralisação não seriam descontados.

Sobre a greve dos bancários em 2012

A greve dos bancários em 2012 teve início no dia doze de setembro e durou apenas nove dias, sendo encerrada após acordo entre as duas partes (trabalhadores e Fenaban) no dia vinte e seis do mesmo mês.

Naquele ano, os trabalhadores cruzaram os braços em busca de 10,25% de aumento salarial, entre outros benefícios, além de aumento de R$622 nos valores dos auxílios creche e refeição e cesta alimentação e criação dos décimo terceiros auxílio refeição e cesta alimentação.

Ficou decidido, porém, que o aumento seria de 7,5% e que os auxílios refeição e alimentação seriam reajustados em 8,5%.

Greve bancarios Bancos greve

GD Star Rating
loading...
Greve nos bancos - Tudo sobre a greve dos bancários, Nota: 3.2 de 5 com 27 votos
Pesquisar
Artigos Relacionados


33 comentários em "Greve nos bancos – Tudo sobre a greve dos bancários"

  1. genivaldo pereira novais 10/10/2009 às 18:58

    A greve da cef ja se tornou abusiva cabe o trt.julgar e eles perderem o direito aos 6% por que os demais bancarios aceitaram.

  2. Eliane dos Santos 10/10/2009 às 16:56

    Por favor terminem essa greve preciso receber.obrigado.

  3. Eliane 10/10/2009 às 16:54

    Eu não sou contra a greve,sei eue devemos procurar nossos direito como cidadão,mais esta greve também esta projidicando as pessoas que recebe no caixa. por gentileza terminem logo esse acordo de terminar a greve. Obrigado a todos bancarios.

  4. F .B 09/10/2009 às 16:02

    Mais que pallhasada, muita gente presisando de dinheiro e os bonitinhos ai em greve.Eles pensam só neles não pensam na população, por exenplo: os aposentados que conto com esse dinheiro no final do mes como que fica hem!!!

  5. Antonio Francisco Sobrinho 22/10/2008 às 22:55

    sou militar da reserva da marinha, não entendo como agente ainda vive sobre o comando dos poderosos, porque todos nos sabemos quem manda neste pais.

  6. Antonio Francisco Sobrinho 22/10/2008 às 22:42

    palhaçada, nenhum cidadadam merece passar por isto, os bancos em taguatinga df feicharam os caixas eletrõnicos à noite

  7. Roney 22/10/2008 às 11:19

    E um país desse ainda tem um presidente com 80% de pessoas super satisfeita.

    Querem mais o q??????

    so me resta agora o psiuuu ou melhor silêncio…..

    Falar o q???? …..

    Boa sorte a todos nós e q deus nos abençoe

  8. silvia de freitas 21/10/2008 às 20:06

    por favor gostaria de saber os bancos em greve.(nomes)
    obrigada, espero a resposta.

  9. ANDRÉ 21/10/2008 às 17:18

    VERGONHA, POR ISSO NADA ANDA NESSE PAÍS, UMA GREVE QUE SÓ SERVE PARA BENEFICIAR CHEFES DE SINDICATO, UMA VERGONHA SEM TAMANHO, TODOS MERECEM PERDER O EMPREGO, POIS TEM MUITA GENTE PRECISANDO, E QUEM TEM NÃO DÁ VALOR.

  10. julieta 21/10/2008 às 08:49

    essesfuncionarios não sabe o que é sofrer,sou aposentada,preciso do banco para receber meu salarinho….
    com essa percistencia deveria demitir ja que a maioria ja tem o seu pé de meia muita gente estão precisando de trabalhar de verdade!!!

  11. renata buin 21/10/2008 às 00:07

    É UMA POUCA VERGONHA ISSO QUE ESTA ACONTECENDO!!!

    DEVERIAM MANDAR ESSAS PESSOAS QUE NÃO QUEREM TRABALHAR QUE SÓ ESTÃO PREJUDICANDO O POVO, E CONTRATAR PESSOAS QUE ESTÃO AFIM DE TRABALHAR!!
    (OLHA QUE TEM MUITAS)
    ATÉ ENTENDO QUE DEVE SI LUTAR PELOS SEUS DIREITOS, MAS O QUE ELES ESTÃO FAZENDO É DEMAIS, SÃO MAIS DE QUINZE DIAS DE GREVE, UMA VERGONHA.E QUEM ESTA SENDO PREUJIDICADO…HAHAHAHA….MAIS UMA VEZ O POVO BRASILEIRO A POPULAÇÃO, TEM GENTE QUE TEM UM SALARIO DE 600,00 , E AGRADEÇE POR TER UM EMPREGO NESSE MUNDO QUE É O MAIR NO INDICE DE DESEMPREGO, E O QUE OS BANCARIOS ESTÃO REVINDICANDO NÃO É MAIS FUNCIONARIOS E SIM AUMENTO DE SALARIO, PARA ELES E NÃO FAZEM NADA APENAS FICAM SENTADOS EM FRENTE AO COMPUTADOR.

    ESSE É NOSSO BRASILLLLLLL

  12. Anonimato 20/10/2008 às 15:56

    SOU CONTRA ESTE TIPO DE GREVE! O direito a greve é constitucional. Todo trabalhador que se sente lesado, por um salário injusto, ou sobrecarregado por uma jornada de trabalho desumana deve gritar e, de preferência, bem alto.
    O problema é que vemos no setor bancário um grupo de trabalhadores, que levanta a bandeira vermelha do socialismo, utiliza os espaços dos sites socialistas e dos sindicatos para reivindicar participação nos lucros. Já não chega a usurpação por parte dos banqueiros. Definam de que lado vocês estão. Viver num mundo capitalista, lutando por condições dignas de trabalho e salário é uma coisa, querer gozar do banquete daqueles que sugam a sociedade é outra história. De minha parte, não estou preocupado com a taxa de inflação neste ou em outro ano. Sempre serão justas as melhorias salariais, se imaginarmos as necessidades do trabalhador. O que não dá pra admitir é querer se julgar de esquerda, mantendo apenas um perfil de esquerdista, preocupado apenas com seus ganhos sem lutar por justiça social. Bancário, escolha seu lado, sem hipocrisia.

  13. MARCELO BORGES 20/10/2008 às 14:31

    !!! DESORGANIZADOS !!!
    - Uma greve de impácto, seria desligar tudo: servidores, caixas eletrônicos, sites, telefones etc, assim, alguns magnatas que gozam de serviços online é que sentiriam na pele, bem como as grandes empresas que com certeza cairiam em cima, com tudo, acontece ao contrário, deixa a parte ONLINE pra quem pode pagar manutenção de c/c, e sobra nós meros mortais a mercer dessa falta de bom senso. Greve é sair a ruas e brigar pelos direitos e não ficar nas agências usufluindo da disponibilidade de poder pagar contas dos amigos e conhecidos senão a própia.

  14. Hugo Pragana 20/10/2008 às 13:26

    Boa tarde!
    Em primeiro lugar quero deixar bem claro que estou de acordo com as reinvidicações da classe, mas preciso entender o porque do não atendimento dos 30% dos funcionários em cada agencia, ajudaria muito a todos nós cliente e não prejudicaria a greve!!! Lutem pelos direitos que são devidos… mas não deixem de a população sem atendimento…

    Agradeço!

  15. FABIANA ALVES 19/10/2008 às 20:19

    eu acho isso uma poca vergonha,porque eles ficam ali,centados so digitando,nao fazem esfrço nem um ainda querem aumento,nem as pessoas que recebem menos conseguem tanto aumento,todo ano e isso,ainda nao tem de reclamar chegao pra trabalhar quase 12;00horas.Na verdade os bancos tinham que abrir no horario comercial as 9;00horas issi é o certo,nao merecem aumento pelo mal atendimento,tinham que ter mais respeito tem muita gente precisando de seus pagamentos.

  16. Marcelo Zorzeto 19/10/2008 às 12:42

    Viagem pra europa, troca de carro todo ano??? hahaha…em que mundo essas pessoas vivem? No mundo de Bickman??? com ctza… eu me envergonho de ler comentarios como esses acima, postados por pessoas que mal sabem escrever o nosso português (semi-analfabetos). O salário hoje da maioria dos bancos (pra quem nao é gerente)e a gde massa não é gerente, gira em torno de 1200 reais. Realmente, se vc pagar aluguel 300,00, tiver um carro financiado (gol 98)385,00, mais agua, luz e telefone e comida, realmente da pra ir pra europa todo semestre, ir para os EUA, fazer compra em Miami, todo mês…auahuahuahuahuahu…Mais uma vez só tenho que lamentar por viver em um país de analfabetos, que mal sabem o que dizem.

  17. joelma 19/10/2008 às 06:09

    tem varias pessoas passando fome e sem emprego e esses desoculpados fazendo greve com preguiça de trabalhar,fikam sentados o tempo todo,isso é um absurdo,devia ter alguem ou alguma lei q nao permitice essa falta de vergonha e respeito com o cliente,isso so prejudica os clientes que se nao fosse por nos vcs nao teriam emprego algum………..
    seria otimo se esse tempo vcs ficassem sem nenhum centavo

  18. joelma 19/10/2008 às 06:00

    mais q palahaca essa greve as pessoas nao tem consciencia????????
    tenho q pagar meu cartao e minha fatura nao chegou e ainda vou pagar juros por culta das pessoas q estao em greve.
    palhaçada,eles nao tem nada melhor para fazer nao???????
    vcs estao é com preguiça

  19. Darjan Vilenoa 17/10/2008 às 13:17

    É uma vergonha, não ta afim de trabalhar peçam as contas, tanta gente desempregada e vcs ai com esa palhaçada, pede pra saiar, quero quer quem vai se arcar com as faturas em atraso, e quem precisa diariamente dos serviços em boca de caixa? E quem vai pagar as contas de pessoas que já estão com a vida toda enrolada ?
    É sempre é o povo quem paga pelas erradas de vocês!!!

  20. marcelo zorzeto 17/10/2008 às 00:41

    Bem, esse é meu segundo comentário em dois dias, pois o primeiro, pelo que me parece, não foi visto com bons olhos pelos meus caros e nobres companheiros “moderadores”. Enfim, esperava que isso fosse um debate de idéias aberto a quem quisesse expô-las, já que existem comentários aqui de pessoas que mal sabem o que estão dizendo. Quanto à greve, só posso dizer que é lamentável ouvir (ler) o que alguns disseram por aqui até agora. A greve, meus queridos amigos, não é só por salários, é por muito mais que isso… Infelizmente algumas pessoas não entendem isso, ou fazem questão de não entender, colocando seus “umbigos” sempre a frente de ideais maiores. Claro, seu FGTS, sua bolsa “miséria” família, seu salário de aposentado de [conteúdo removido] são muito mais importantes do que qualquer coisa que ultrapasse a janela de suas casas. Por isso, nosso país nunca será um país sério, pois não há lutas de classes, de categorias, mas sim uma massa analfabeto-alienada, que se só sabe criticar os abusos de governo entregue a podridão da corrupção, mas que não descruza os braços e prefere assistir Faustão a ler um bom livro ou fazer algo que dignifique um pouco mais essa “vidinha” medíocre reservada aos vegetais acéfalos.

  21. alex 17/10/2008 às 00:02

    estou desapontado com os bancarios, gente vcs estão prejudicando muita gente pensem nás familhas dos aposentados que só pegam o dinheiro na boca do caixa por não er a [conteúdo removido] do cartão em mãos tenho vizinhos passando fome por conta dos problemas de vcs não poderem ir para a europa com seus salarios ou trocarem de carro más uma vez este ano, se vcs falam de salario por que vcs não pensão em fazer um curso para aterder aas pessoas melhores eu vou a caixa quase todos os dias e passo 40 a 50 minutos na mesma agencia que a prox de minha casa para ser aterndido com apenas 4 0o 5 pessoas na minha frente, vcs estão reclamando de barriga cheia , se estão tão encomodados procurem outro emprego que têm muita gente a fim do salario que vcs ganham hj

  22. Eliandro R. 16/10/2008 às 23:59

    Moro nos Eua ha trez e minha familia depende de mim. Ja mandei dinheiro para as despesas e o banco nao libera. Minha mae ja esta com seu aluguel atrazado,sem dinheiro para fazer compras,geladeira quase vazia e ainda nem temos ideia de quando abrirao os bancos. Por isso eu considero falta de respeito e responsabilidade dos funcionarios. Agente se sente como se fosse refem nas maos de bandidos; OU ME DE AUMENTO DE SALARIO OU DEIXAREI MUITOS BRASILEIROS SEM DINHEIRO E PASSANDO FOME..

  23. Carlos 16/10/2008 às 20:47

    Prezada Renata, tudo bem que estejamos vivendo em um país democrático e que vc ache justa essa greve, porém, quem está sendo afetado de verdade com isso tudo?, os bancários???, ou a população, garanto a você que 99% dos prejudicados estão entre a população de bem que trabalha e paga seus impostos em dia, eu por exemplo estou perdendo diversos trabalhos em função dessa palhaçada, como os amigos aqui já citaram tem gente sem dinheiro para alimentar suas familias em virtude da greve, e vc acha isso certo???

  24. Vanderli 16/10/2008 às 18:37

    Incrível!!! o mundo vivendo uma crise econômica e os bancários em greve prejudicando a economia do país, é justo fazer greve afinal de contas é um direito adquirido, no entanto essa categoria sindical deveria no minimo ser mais organizada, a desorganização é tamanha que, eles desativaram a opção depósito nos caixas eletrõnicos, no entanto a compensação continua funcionando a todo vapor fico com o dinheiro na mão vendo meus cheques se transformarem em borrachudos, isso é uma vergonha!!! (Banco do Brasil)

  25. José Abrantes 16/10/2008 às 15:29

    Em 29 de agosto, do corrente ano, iniciei o processo para uso do FGTS para compra da casa própria, na terça feira 07/10/08 fui informado que estava tudo certo, com o ressarcimento, e que na quarta feira 08/10 eu receberia a minuta do contrato para a cooperativa que financia, emitir a escritura e então darmos entrada no GRI e entre 15 a 30 dias depois é que a CEF, com o registro libera o FGTS, diretamente para a conta do vendedor. Devido à greve tudo parou, nem por telefone consigo falar, não consigo entrar na agência, o vendedor já fala em desfazer o negócio, algumas certidões, exigidas pela própria CEF já perderam a validade e gastarei mais dinheiro, não por minha culpa. A quem eu devo reclamar? Quem arcará com os meus prejuízos? Que movimento é este que nem atende telefone e nem envia uma minuta por fax? Ninguém tem o direito de construir o seu castelo, retirando pedras do castelo dos outros. Também sou servidor público, também estou em greve (UERJ), mas cumpro a lei, por exemplo atendendo aos “casos especiais”, para que não haja prejuízos a terceiros. Por favor me respondam o que faço. Estou a mercê de alguns servidores, que estão me causando sérios prejuízos. Saudações José Abrantes.

  26. Isabela 16/10/2008 às 08:31

    Este país é a casa da mãe joana. Tá escrito lá na bandeira: “Ordem e Progresso”… Nem uma coisa, nem a outra!E no Hino! ” MÃE GENTIL PÁTRIA AMADA BRASILLLL”… AIMAGINA SE FOSSE MADRASTA…

    “DEITADO ETERNAMENTE EM BERÇO ESPLÊNDIDO… AO SOM DO MAR E À LUZ DO CÉO PROFUNDOOOO”… Já esta parte é verdade… Só querem saber de sombra e água fresca. Enquanto todo mundo se prejudica, estes parasitas estão tomando sol na praia… E os “responsáveis” não tomam uma atitude?

  27. G.A 16/10/2008 às 02:51

    Tambem acho uma falta de consideração esta greve ,sou ex-funcionária de uma empresa aérea que entrou em recuperação judicial a 2 anos, e não pagou nenhum centavo de nossa indenização trabalhista, agora que conseguimos, que a justiça liberou o pagamento de uma parte dos salários que tb estavam em atraso, eles fazem isto, dizem que a compensação bancária só aceitam do proprio banco não de outros (CEF) e ai? quem ficou 2 anos esperando, não custa esperar mais uns dias não é? Que vergonha este nosso país, e com este Lula que não faz nada para melhorar este caus.Deixo aqui minha indignação. Claro sem retorno.

  28. francisco 15/10/2008 às 23:08

    nós que somos brasileiros, acabamos de mostrar que somos um bando de ,só vivemos reclamando não tomamos nenhuma iniciativa. porque nós simples não fazemos o mesmo.vamos parar de aceitar as regras ou melhor as rédias que são colocadas em nós. vamos dar um basta, as pessoas que tem algum dinheiro em poupança ou algum tipo de capitalização retire dos bancos, invista em outra coisa, gostaria de ver a cara dos banqueiros e bancários se esta iniciativa fosse tomada. eles iriam pensar duas vezes antes de fazer isto com a população.

  29. João Carlos de Souza 15/10/2008 às 21:32

    Este espaço deveria ser reipeitado e só conter comentários responsáveis. Portanto, é preciso que se comente apenas o que se sabe:
    - você sabia que uma greve não serve apenas para reclamar salários?
    - você sabia que alguns bancos aumentaram o volume de suas atividades em mais de dez vezes, sem contratar uma quantidade adequada de novos empregados?
    - você sabia que alguns bancos não respeitam a jornada diária de 6h para alguns de seus empregados, o que é proibido por lei?
    - você sabia que o objetivo principal desta greve é melhor atender aos clientes?
    Assim sendo, busquemos mais informações antes de tecermos quaisquer comentários. Saliento também, que vale se informar sobre os salários praticados em bancos……… Abraço a todos!
    JOÃO BANCÁRIO DA SILVA, OU NÃO.

  30. Renata 15/10/2008 às 18:40

    Acho extremamente justo a necessidade da greve só quem sente é quem pode gritar,vivemos num país democrático!!

  31. ALESSANDRA ROCHA 15/10/2008 às 17:58

    EU ACHO ISSO UMA PALHAÇADA´,TENHO CRIANÇA PEQUENA NAO CONSIGO RECEBER PRECISO PAGAR ALUGUEL CONTAS EM GERAL ,NAO TEM NEM PALAVRAS PARA ESSA POUCA VERGONHA TANTA GENTE QUERENDO TRABALHAR E OS ENGRAÇADINHOS EM GREVE!

  32. Marcos Luiz Silva 15/10/2008 às 17:39

    ISTO É BRASIL NÉ GENTE!!!
    Sinto vergonha dessa palhaçada toda, tanta gente desemprega, tanta gente com vontade de trabalhar e essa cambada de vagabundos reivindicando além do que merecem, eu por exemplo estou sentindo na pele essa greve, estou desempregado, fui homologado no dia 09/10 e até agora estou sem realizar o saque do meu FGTS que está liberado por um simples capricho desses pilantras

  33. MARCOS AMORIM 15/10/2008 às 11:57

    ISSO É UMA VERGONHA, AINDA MAS SE FALANDO DOS FUNCIONARIOS FEDERAIS, ESSA GREVE,SÓ VEIO PARA PREJUDICAR OS QUE PRECISAM DOS BANCOS. DESSA FORMA OS FUNCIONARIOS, ACABAM PENSANDO SÓ NELES.UM EXEMPLO,OS APOSENTADOS QUE DEPENDEM DESSES SERVIÇOS. A CEF,DEVERIA DEMITIR OS FUNCIONÁRIOS EM GREVE POIS ELES GANHAM MUITO BEM. OS SERVIÇOS PRESTADOS POR ESTES FUNCIONÁRIOS SÃO NA REALIDADE NÓS MUTUÁRIOS E CORRENTISTAS QUE PAGAMOS. FALTA VERGONHA NA CARA E VONTADE DE TRABALHAR.É SÓ COMPARAR, A INFLAÇÃO DO ANO PASSADO TEVE UMA PORCENTAGEM DE + OU – 6,4%, E OS BANCÁRIOS RECEBERAM AUMENTO ENTRE 8,5% E 12,77%, E AINDA QUEREM AUMENTO DEPOIS DE UM ANO.