Depressão e o ambiente de trabalho

links patrocinados

Depressão e o ambiente de trabalho

São muitas as doenças que estão relacionadas com o ambiente de trabalho. Mas, uma em geral sempre ganhou ênfase e posição de destaque: são as doenças osteomusculares, também chamadas de síndromes de LER/DORT. Muito recentemente a ansiedade e a depressão também começaram a ser encaradas como importantes doenças ligadas ao ambiente de trabalho.

O quadro de depressão pode ser fortemente influenciado pelas condições adversas de trabalho. Vale ressaltar que a depressão é cada vez mais vista como uma das maiores causas de incapacidade do mundo.

O que é depressão?

Depressão e o ambiente de trabalho Depressão

Depressão é uma doença médica e como todas as outras, tem uma tolerância de grau de predisposição biológica para o seu desenvolvimento. Uma pesquisa apontou que o principal fator causador de depressão no ambiente de trabalho é desempenhar uma função para a qual o indivíduo em questão não se sente capaz e preparado para atender as demandas do serviço.

Além disso, a percepção de uma má chefia, as condições adversas e as longas jornadas de trabalho são fatores também que contribuem para o desempenho do funcionário e para o seu bem-estar. Por isso, manter um espaço de tempo para se reciclar, capacitar e treinamento adequado são algumas das atitudes que ajudam tanto o empregador e o trabalhador para não deixar que a depressão se instale no ambiente de trabalho.
Outra boa dica para manter a depressão longe do ambiente de trabalho é organizar a sua agenda profissional para que você consiga assumir os compromissos com prazos largos e possíveis.

Depressão no ambiente de trabalho

Fatores que causam depressão

Outro fator importante que pode causar a depressão recebe o nome de resiliência pessoal, ou seja, é a capacidade, aprendida ou inata de superar e de suportar as situações e pressões adversas do dia a dia. Na verdade, esse fator depende basicamente das características comportamentais e psiquiatras de casa indivíduo. Isso porque as histórias de vida são diferentes, bem como a educação e a capacidade psicológica.
É importante também ter em mente que não existe um trabalho sem nenhum tipo de cobrança ou que não exija um certo grau de desempenho.

Confira Depressão e o ambiente de trabalho

Cargos de linha de frente

Os cargos de trabalho onde é observado um risco maior para a instalação da depressão são os da linha de frente, ou seja, aqueles que estão em maior contato com o público. Gerente de balcão, agentes de venda, recepcionistas fazem parte desse grupo de risco.

Entre os principais sintomas da depressão estão a falta de prazer, a tristeza, a dificuldade de concentração, alterações de apetite, alterações de sono, falta de iniciativa, desânimo e falta de energia. Por isso, se esses sintomas persistirem por mais de duas semanas é importante procurar a ajude de um profissional na área de psiquiatria.

Depressão e o ambiente de trabalho - saiba mais

Saiba mais

Algumas pessoas acabam não se sentindo motivadas para voltar ao trabalho após um período de férias. Por isso, uma boa dica para não deixar que a depressão se instale é procurar retomar de forma gradual a sua rotina e os horários assim que as férias estiverem terminando. Fracionar o tempo de férias também pode ser uma ótima alternativa.

Pesquisar
Artigos Relacionados