CPTM São Paulo

links patrocinados

CPTM São Paulo

CPTM São Paulo

As linhas da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) foram refeitas sobre as antigas linhas da Ferrovia Paulista S/A (FEPASA) e da Companhia Brasileira de Trens Urbanos de São Paulo (CBTU). Entre os anos de 1995 e 2006 a empresa investiu mais de R$ 1,6 bilhões em onze novas estações, revitalizou cinco e comprou 88 novos trens. Além dessas melhoras, o intervalo entre uma estação e outra diminuiu e as ocorrências policiais tiverem um declínio aparente.

História da empresa

A CPTM é vinculada à Secretaria de Estado dos Transportes Metropolitanos (STM) e foi fundada no dia 28 de maio de 1992, a partir da promulgação da Lei paulista nº 7.861. Apenas em 1994 que a empresa passou a comandar as Linhas 10-Turquesa, 7-Rubi, 11-Coral e 12-Safira, as antigas D, A, E e F, respectivamente, que pertenciam a CBTU. Em 1998 foi a vez da FEPASA perder suas linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda, antigas B e C, para a CPTM.

Em seu primeiro ano de operações a empresa atingiu a marca de 800 mil usuários diários. Já em 2011 chegou transportar 2,6 milhões de passageiros por dia. O sistema da CPTM funciona em 22 municípios e torna o trânsito de São Paulo e sua Região Metropolitana menos caótica. Atualmente, a empresa tem 89 estações de trem, sendo que só as plataformas Brás, Luz e Barra Funda recebem quase 50% do movimento diário. Todos os dias são programadas mais de 2.400 viagens nos 260 km de extensão, somando as seis linhas de trem.

Valores, visão e metas da Companhia

As gestões da CPTM, sempre preocupadas com os planejamentos estratégicos da empresa, definiram valores e metas da companhia, que vão desde a utilização de trens em São Paulo até o investimento no empreendedorismo e na liderança. Entre elas estão: o reconhecimento do passageiro e dos órgãos públicos, ofertas serviços de transporte que atendam às necessidades e ultrapassem as expectativas dos passageiros.

Os principais valores da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos vão além de transportar pessoas. A empresa tem uma gestão empresarial com princípios sócio-ambientais, ética e respeito ao consumidor de suas linhas. Os objetivos da CPTM são elevar o nível de qualidade das estações, reduzir o poder financeiro do Estado sobre a empresa e aumentar a inserção da cultura de trens no Brasil.

Bilhete Único Escolar

Para melhor atender os colégios e escolas localizados fora da capital São Paulo, a CPTM tem um Posto de Bilhete Único Escolar na plataforma Barra Funda. O serviço funciona de segunda à sexta-feira das 8h às 17h, exceto nos feriados nacionais, estaduais, municipais e internacionais. Para maiores informações de como o estudante pode adquirir um Bilhete Único Escolar, basta acessar o site da CPTM.
Expresso Turístico da CPTM

Inaugurado em 2009 pela Secretaria de Estado dos Transportes Metropolitanos e a CPTM, o expresso turístico tem como objetivo dar uma opção de lazer e conhecimento para os turistas que querem conhecer os locais onde existiram as malhas férreas. O transporte dos curiosos pela história dos trens no Brasil é feito em uma composição com dois carros de aço inoxidável dos anos 50, totalmente fabricados em território nacional.

Há três opções de trajetos para os turistas ou paulistas que sentem a necessidade de conhecer um pouco mais sobre seu Estado: a Luz-Jundiaí, Luz-Mogi das Cruzes e Luz-Paranapiacaba. Além da viagem, o passageiro pode comprar roteiros turísticos para aumentar o conhecimento que será adquirido nessa viagem. Esses passeios só podem ser apanhados em agências de turismo e para trazer mais conforto para o turista, a CPTM instalou um balcão da Agência Rizzatour, na Estação da Luz, onde os bilhetes podem ser comprados. Mais informações sobre passeios e outros serviços estão disponíveis no site da CPTM.

Fotos

CPTM São PauloCPTM São Paulo
Companhia Paulista de Trens Metropolitanos Companhia Paulista de Trens Metropolitanos
Usuários dos trens controlados pela CPTMUsuários dos trens controlados pela CPTM

Pesquisar
Artigos Relacionados