CPF

CPF

CPF

Com certeza todas as pessoas que já alcançaram a vida adulta sabem a importãncia de um documento chamado CPF. O CPF, ou cadastro de pessoa física, é o registro de um cidadão na Receita Federal, e serve para armazenar informações fornecidas pelo próprio contribuinte e por outros sistemas da Receita Federal.

Ao ser emitido, o cadastro gera 11 algarismos. Estes algarismos são únicas para cada pessoa, e não podem ser modificados, mesmo se acontecer a perda do cartão ou documento. Várias consultas ao CPF podem ser feitas no site da Receita Federal.

Cada algarismo do CPF serve para uma coisa. Os dois últimos, por exemplo, são números de verificação; O dígito anterior serve para dizer qual é a unidade federativa em que a pessoa registrou-se pela primeira vez, e os demais fazem parte do número exclusivo de registro de cada um.

Quanto ao número da unidade federativa de origem, ele não pode ser modificado em situações comuns, mesmo que a pessoa se mude de estado. Cada número de 1 a 9 indica uma região. O número 0, por exemplo, identifica o Rio Grando do Sul; já o número 9 identifica os estados do Paraná e Santa Catarina.

Para quê serve o CPF

Hoje em dia, o CPF serve para praticamente todas as operações financeiras possíveis, desde a abertura de uma conta em banco até o cadastramento em um simples crediário de loja. Isso acontece porque através do seu documento os estabelecimentos conseguem verificar se você está em situação regular economicamente falando.

e-CPF

Antigamente, o documento CPF era apresentado em forma de um cartão eletrônico da cor azul, que tinha o escudo nacional, o nome da pessoa, o número do CPF e a data de validade do cartão. Só que o cartão, na realidade, não tinha muita função, já que o que importava era o número contido nele.

Percebendo isso, a Receita federal decidiu extinguir a emissão do cartão de CPF, e agora seu número é emitido somente através de certificado digital, conseguido no site da Receita. Além de facilitar uma série de processos, ele diminui o desperdício de material plástico e desocupa lugar desnecessário na carteira das pessoas. Se quiser carregar o número do CPF, o cidadão pode pedir uma segunda via da carteira de identidade (RG) e solicitar que ele venha impresso junto.

GD Star Rating
loading...
Pesquisar
Artigos Relacionados