Como evitar doenças de pele em cães?

links patrocinados

Como evitar doenças de pele em cães?

Os cães são os melhores amigos do homem. Disso, já sabemos. O que muitos não se atentam é na possibilidade de nossos bichinhos adquirirem alguma doença, principalmente as de pele. Os animais de estimação, principalmente os cães que não ficam o tempo todo dentro de casa, passa por diversos locais, deitam, rolam e podem ter contato com diversos agentes causadores de doenças.

Como evitar doenças de pele em cães? – saiba mais

Como evitar doenças de pele em cães? Doenças transmitidas por cães

As principais doenças de pele em cães são as alergias, as micoses, as sarnas, as infecções bacterianas e os problemas hormonais. Todas estas doenças apresentam como sintomas a mudança de coloração do pelo, lesões na pele, sendo que alguns tipos de alergias como as alergias a picadas de pulga e ao pólen e ácaros trazem lesões menos sérias, enquanto a sarna negra – transmitida pela mãe infectada ao filhote – traz lesões bem mais graves a pele do animal e não tem cura.

Saiba Como evitar doenças de pele em cães?

Agentes causadores das doenças de pele em cães

São várias as condições para a propagação das doenças de pele em cães. Por conta disso, é importantíssimo cuidar para que seu cão não vá a qualquer lugar e possa se contaminar.
As alergias são provocadas pela aversão ao pólen, ácaros, picadas de pulga e bolores. As alergias alimentares como a alergia a carnes e frangos pelo alto teor de proteína também são comuns.
No caso dos problemas hormonais, uma disfunção na produção dos hormônios caninos podem alterar a coloração do pelo e algumas deformidades na pele do cãozinho.
As sarnas são a pior doença de pele de cães. Trazem maior sofrimento ao animal pelo fato de que coça e machuca. Tome cuidado, pois os cachorros mudam seu humor por conta da coceira muito forte. As micoses, em geral, são consequências das demais doença de pele de cães e precisam ser analisadas com cuidado pelo veterinário para que não se agravem.

Doenças de cães

Precauções

Diante de tantas doenças que podem afetar os nossos amigões, muitos se perguntam como evitar as doenças de pele em cães. No caso das pulgas, um anticoncepcional de pulgas pode ser dado ao cão oralmente, evitando assim que elas cheguem perto dos bichinhos.
Para evitar ácaros, mantenha sempre a casa arejada e limpa, principalmente se o piso for de carpete. Já os problemas hormonais são mais difíceis de lidar. Mesmo assim há hormônios para cães que podem corrigir ou amenizar os sintomas em seu cão.
Como dito, a sarna negra não tem cura e nem pode ser evitada. Mas pode se controlada, tomando se alguns cuidados com a limpeza do cão e do ambiente onde ele fica.

Doenças de pele de cães

Tratamento das doenças de pele em cães

Caso não seja possível evitar as doenças de pele de seu cão e ele adquira alguma destas doenças, você tem à disposição vários tratamentos eficazes contra elas.
Os tratamentos vão desde o uso de antibióticos até cremes especiais para pele, inclusive com a aplicação de inseticidas especiais no próprio cão.
Importante mesmo é tentar evitar as doenças de pele em cães. De qualquer maneira, se seu amigão apresentar algum sintoma, procure um veterinário especializado. É a melhor maneira de cuidar do seu melhor amigo!

Pesquisar
Artigos Relacionados