Como cuidar de rosas

links patrocinados

Como cuidar de rosas

As rosas sempre foram sinônimas de paixão. Sempre que uma mulher é presenteada com um buquê de rosas, entende-se este ato como um cortejo. Sendo assim, toda mulher sonha em ganhar um buquê de rosas do seu príncipe encantado, assim como todo homem pretende encontrar uma bela princesa para lhe galantear com rosas.

Saiba mais Como cuidar de rosas

Como cuidar de rosas Rosas

Se for replantar uma muda a principal dica é aguar bastante a sua muda ainda na terra, após deixá-la bastante aguada, realize o replantio. Se a sua muda foi uma lascada, deixe esta sobre a água, até que esta crie uma raiz, para então plantar a muda na terra.
Outro ponto de grande importância na hora do plantio é a profundidade do buraco, este deve ser mais profundo do que as cavas feitas para demais sementes. A terra mais apropriada para o plantio da rosa é a terra preta adubada.

Saiba Como cuidar de rosas

Como Cuidar de Rosas?

Existem muitas pessoas que acham as roseiras lindas e tem verdadeira paixão pelas rosas, entretanto, ficam se perguntando, como cuidar de rosas? E se este cultivo demanda muito tempo e dinheiro. Estas questões podem ser respondidas com belo talvez, as plantas se tratam de seres vivos e necessitam de cuidados especiais para se adequarem a diferentes locais, como regra geral, o cultivo de rosas não é complicado, mas deve seguir uma receitinha composta de três tópicos para ser eficaz, o primeiro destes é a luz, a luz é um fator de extrema importância, as rosas necessitam de um local que bata Sol o dia inteiro, sendo assim, o cultivo da planta no interior das residências não é uma boa opção. O segundo é a água, a roseira necessita de mais água do que a maioria das demais flores, entretanto, o solo da flor, nunca deve ficar empapado, necessitando, portanto, um bom sisteminha de drenagem, outra dica interessante referente à regagem da planta é tomar cuidado para não molhar a parte superior da planta, ou seja, as pétalas, molhe a terra em torno do caule da flor. A adubação é o último tópico do mix, é essencial que não haja excesso de abudo, pois este pode acabar intoxicando a roseira, caso você não tenha experiência com adubagem, saiba que ela não é essencial para cultivar rosas, opte pela falta de nutriente do que pelo excedente deste nesta planta.

Aprenda Como cuidar de rosas

Moléstias e Pragas da Roseira

A principal característica que surge em uma roseira que está padecendo é quando esta começa a murchar e as folhas apresentam sinais amarelados, as principais razões que levam a este quadro é o excesso ou a falta de água, tome cuidado para não confundir e acabar molhando ainda mais uma planta que já está encharcada. Nestes casos você pode fazer uso da farinha de osso, esta oferta nutrientes importantes para o vegetal.
O excesso de água também atrai fungos, pulgões, ácaros e tripes, para combater estas pragas é recomendado à utilização de inseticidas de forma pulverizada. Procure aplicar inseticidas com certa frequência nas suas roseiras.

Adubo para as rosas

Adubo Orgânico

O adubo orgânico deve ser preparado de forma muito consciente e certeira, pois uma compostagem realizada de forma ineficaz é capaz de trazer insetos e odores indesejados para o seu jardim, além de intoxicar as suas plantas.

Pesquisar
Artigos Relacionados