Apendicite supurada

apendicite supurada

Apendicite supurada

Apesar de toda a evolução da Medicina, o apêndice ainda é um órgão pouco compreendido de nossos corpos. Constituído por uma pequena extensão em forma de tubo, no início do intestino, o apêndice possui bactérias que agem como anticorpos em nosso organismo. Mas isso só foi descoberto no final de 2009.

Antigamente era comum que, em qualquer procedimento cirúrgico, de diferentes naturezas, o paciente “aproveitasse” para retirar o apêndice. Isso acontecia para prevenir futuras inflamações, ou apendicites. Hoje essa prática não está mais em uso, pois estudos recentes acreditam que ele é um importante componente do sistema imunológico humano.

A apendicite

Entretanto, algumas vezes o apêndice realmente inflama e precisa ser retirado. Diagnosticar uma apendicite é muito difícil, pois os sintomas costumam aparecer de maneira isolada. Quando eles surgem em conjunto, geralmente a inflamação já está em estágio avançado, com risco de supuração.

Os sintomas da apendicite são dor difusa e contínua no abdômen, próxima ao umbigo; sensibilidade no ventre, geralmente com contração dos músculos; náusea, vômito, febre baixa e falta de apetite.

Supuração

Às vezes, mesmo que os exames não sejam conclusivos, o médico pode recomendar a retirada do apêndice. Isto porque a supuração, ou rompimento do abdômen, pode ser muito perigosa. Quando se rompe, o abdômen espalha sua infecção para outros órgãos e para o sangue.

Os casos de morte são raros, mas podem acontecer. Por isso os médicos alertam que a apendicite é uma emergência, e deve ser tratada como tal. Na maioria dos casos em que há supuração, o paciente precisa de antibióticos e de uma internação longa.

Como evitar a supuração

Exames de sangue e de urina podem indicar apendicite, mas não são conclusivos. A apendicite pode ser diagnosticada através de tomografia computadorizada. Entretanto, este procedimento é desaconselhável em gestantes e crianças, devido à exposição à radiação. Nestes casos, o ideal é a utilização de ultra-sonografia, menos eficaz, mas segura.

Se for diagnosticada a apendicite, o único tratamento possível é a retirada do apêndice. O procedimento atual é bem rápido. Se a apendicite for diagnosticada em seu estágio inicial, o paciente pode receber alta no dia seguinte à operação.

GD Star Rating
loading...
Apendicite supurada, Nota: 5.0 de 5 com 7 votos
Pesquisar
Artigos Relacionados