1º Lote de restituição do Imposto de Renda deverá ser aberto na próxima semana

1º Lote de restituição do Imposto de Renda deverá ser aberto na próxima semana

Na quarta-feira, 30, Joaquim Adir, supervisor nacional do Imposto de Renda da Secretaria da Receita Federal, divulgou que na data provável de sexta-feira, dia 8, da próxima semana, as consultas ao primeiro lote de restituições do imposto de Renda 2012, com ano de 2011, deverão estar abertas.

Ele informou que pode ser que a data se prorrogue por mais alguns dias e a abertura só seja possível no dia 11, segunda-feira, porém tudo indica que na data de 8 o lote já deva estar aberto para consultas. Mas apenas as consultas estarão abetas nesta data, o pagamento esta agendado para ter inicio a partir do dia 15 de junho.

O Fisco efetua os pagamentos entre junho e dezembro de cada ano, e serão um total de sete lotes a serem restituídos. Em 2012, recebeu-se 25,2 milhões de declarações do Imposto de Renda, isto dentro do prazo legalmente regulamentado. Tempo, este, compreendido entre os meses de março e abril.

Os contribuintes puderam fazer suas declarações de Imposto de Renda através da internet principalmente, mas também foi possível inscrever o imposto e entrega-lo através de disquete nas agencias da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil

O antigo formulário de Imposto de Renda inexiste desde 2010, quando foi desativada a entrega desta forma. A restituição, no entanto, continua ocorrendo do modo tradicional, recebe primeiro aquele que declarou o IR mais cedo. Desde que atentado para não ocorrência de erros ou omissões na declaração.

Os idosos tem preferencia no recebimento dos primeiros lotes, normalmente pessoas acima de 60 anos tem a restituição garantida antes do restante da população. Em 2011 o primeiro lote da restituição do Imposto de Renda foi recebido por 1,3 milhão de idosos existentes no país.

A Declaração Anual do Microempreendedor Individual termina na sexta-feira, 31, a multa para atraso na Declaração esta estabelecida no mínimo de R$ 50. São obrigadas a declarar todas as empresas que optaram pelo simples nacional. A multa é estipulada em 2% ao mês em cima do valor dos tributos a serem pagos.

GD Star Rating
loading...
Pesquisar
Artigos Relacionados